Sobre os Parceiros


Fig 1 - Localização de Parceiros no distrito de Leiria
Criada em 1717, a freguesia de Parceiros, com uma área de 12,3km2, é uma das vinte e nove que constituem o concelho de Leiria, a 24.ª em termos alfabéticos. Em 1721, a freguesia tinha cerca de 110 moradores e englobava os lugares de Mouratão, Casais, Pernelhas, Borougal e Parceiros.
Ao que consta, parceiros era o nome que se dava aos membros de uma parçaria, ou seja, aos que entre si contratavam a divisão de qualquer herdade ou propriedade agrícola, que era cedida a meias, à terça, ao quarto e assim sucessivamente.
A História de Parceiros remonta pelo menos ao Paleolítico. De facto, desde 1993 que se tem vindo a encontrar provas materiais pré-históricas nesta freguesia, em terrenos datados do Pliocénico (8-1,8 milhões de anos). Durante os anos de 1994 e 1996, várias prospecções arqueológicas permitiram a detecção de materiais líticos. Durante a Idade Média, Nossa Senhora do Rosário de Parceiros esteve integrada na paróquia de S. Pedro de Leiria. Assim aconteceu até à data da criação da freguesia, nos inícios do século XVIII.

O primeiro pároco de Parceiros, ou pelo menos um dos primeiros, terá sido o Pe. Domingos Roiz de Alvelos. Segundo a documentação coeva, em 1721 prestou informações sobre a sua freguesia à Academia Real de História, que as tinha solicitado.

O que ele disse em resposta ao referido inquérito, ficou para a história nestes termos: "Tem esta igreja a invocação de Nossa Senhora do Rosário, foi erecta pelos fregueses dela, os quais se obrigavam à fábrica da dita igreja e se desanexou da freguesia de S. Pedro da cidade de Leiria no ano de 1717.

Tem de renda cada um ano dez mil réis, procedidos de algumas oliveiras, que de esmola lhes deixavam algumas pessoas que na dita igreja se sepultavam, o que tudo pertencia à fábrica da dita igreja.
Parceiros está localizado em: Portugal Continental
Parceiros
Fig 2 - Localização de Portugal em Portugal Continental
Em relação ao património de Parceiros, destaque-se a bela igreja matriz e o cruzeiro de Parceiros. O templo paroquial tem servido com humildade o povo da freguesia, o bonito cruzeiro aí erecto é mais uma prova da sua extrema religiosidade e devoção à religião.
O “Couseiro” referia ainda uma ermida dedicada a Nossa Senhora do Rosário, cuja data de construção não se conhece, mas que já existia em 1669.

Freguesia dinâmica, com muita gente em ebulição e muitas actividades económicas, grande dinamismo no associativismo, mantém contudo fortes tradições, como o comprova o artesanato que ainda existe, através dos seus cesteiros e costureiras, também a sua gastronomia é rica, nomeadamente a sopa da pedra e a morcela de arroz.
A freguesia tem actualmente cerca de 5000 habitantes.
Dados relevantes

Empresas instaladas: 160
Património cultural: Igreja Matriz de Parceiros, Cruzeiro de Parceiros Igreja Pernelhas.

Equipamentos educativos/sociais: EB1 de Parceiros, EB1 de Pernelhas, EB1 de Mouratos, JI de Parceiros, JI de Pernelhas, Centro de Saúde de Parceiros (extensão), ABEP – Associação de Bem-Estar de Parceiros.


Associações/Colectividades: ABEP, Associação de Famílias carenciadas Leiria/Fátima (Banco Alimentar Contra a Fome), Grupo Desportivo e Recreativo de Parceiros, Centro Cultural e Recreativo de Pernelhas, Grupo Desportivo Cultural e Recreativo “Os Mouratos”, Associação Recreativa “Os Amigos do Brogal”, Ciclo Clube de Parceiros, Agrupamento em Formação do C.N.E. Parceiros.

Festas e Romarias:

S. Sebastião (Parceiros/ Janeiro)
S. Pedro (Pernelhas/ Junho)
Nossa Senhora do Rosário (Parceiros / Agosto)

Continuar
© 2014 União das Freguesias de Parceiros e Azoia | Todos os direitos reservados. | Produzido por Rúben Santos.